sábado, 30 de janeiro de 2010

A Bela e o Paparazzo

Ano: 2009
Estreia nacional: 28 de Janeiro de 2010
País: Portugal
Género: Comédia, Romance
Duração: 100 min.
Classificação: M/12
Distribuidora: ZON Lusomundo

Realização: António-Pedro Vasconcelos
Intérpretes: Soraia Chaves, Marco D'Almeida, Pedro Laginha, Nicolau Breyner

Sinopse: Mariana, uma jovem vedeta da nossa televisão, está muito perto de um colapso nervoso. As filmagens não estão a correr bem, a sua popularidade na novela está a descer mas todos os passos da sua vida privada continuam a ser matéria de capa das revistas "cor-de-rosa". E há uma culpada por esta total ausência de privacidade: Gabriela Santos, a mais temível paparazzo de Lisboa, a pessoa que sabe sempre onde ela está e que consegue as fotos mais comprometedoras. Gabriela Santos é o nome artístico de João, o paparazzo que é contratado para perseguir Mariana dia e noite, captando a sua vida diária e fazendo dela uma presença habitual nas capas das revistas sociais sem que a sua presença alguma vez seja detectada. Até ao dia em que se conhecem de forma fortuita. A partir desse momento, nasce uma relação amorosa na qual o fotógrafo terá que fazer todos os impossíveis para que Mariana não descubra a sua verdadeira identidade, ao mesmo tempo que tenta lidar com a excentricidade dos dois amigos com quem partilha o apartamento e com o facto de se ver agora como alvo das mesmas revistas para as quais trabalha.

Comentário: Mais um filme do melhor (de longe) realizador nacional. Depois do excelente \"Call Girl\", era com grande expectativa que aguardava este filme. No entanto, este filme não chegou nem perto da qualidade do anterior de António-Pedro Vasconcelos. Aliás, o filme até começou bastante mal. Piadinhas demasiado forçadas, estados de espírito alterados de um segundo para o outro, e imensos exageros na representação por parte de alguns dos actores. Tudo isto não é por culpa dos actores mas sim do próprio argumento e até da realização. No entanto, a partir da primeira meia hora o filme estabilizou e as cenas tornaram-se muito mais consistentes. Boas interpretações, bons diálogos e bonitas imagens da nossa capital. Pena a fraca qualidade da imagem e do som (parece que regredimos). De realçar a grande surpresa do filme que foi Nuno Markl. Obviamente que nunca vai ser um grande actor mas teve um desempenho bastante bom e bastante regular. Tiago Santos está igualmente de parabéns por nos trazer o argumento desta comédia romântica bastante original e acho que inédita no nosso cinema.

Classificação: 7

Staten Island


Ano: 2009
Estreia nacional: 21 de Janeiro de 2010
País: EUA, França
Género: Crime, Drama
Duração: 96 min.
Classificação: M/16
Distribuidora: ZON Lusomundo

Realização: James DeMonaco
Intérpretes: Ethan Hawke, Vincent D'Onofrio, Seymour Cassel

Sinopse: Sully (Ethan Hawke), um séptico limpa fossas, é capaz de tudo para conseguir proporcionar ao seu filho um futuro brilhante. Jasper (Seymour Cassel), um homem humilde dono de uma mercearia gourmet, tem uma grande qualidade, aos olhos dos mafiosos que o obrigam a trabalhar para eles: é surdo-mudo. Parmie Tarzo (Vincent D'Onofrio), o chefe da máfia local, quer acabar com todos os seus concorrentes. Todos eles vivem em Staten Island, à sombra de Manhattan. Quando as suas vidas e sonhos se interceptam, nada de bom poderá acontecer.

Comentário: Apesar de podermos assistir a razoáveis interpretações por parte da maioria dos actores, o filme em si é vazio em termos de argumento. A história decorre a um ritmo imensamente lento, não se passa nada de grande interesse ao longo do todo o filme e, para além disso, determinadas cenas não têm pés nem cabeça. Em suma, penso que houveram uma data de erros que tornam, desde já, este filme num dos piores do ano.

Classificação: 5

terça-feira, 26 de janeiro de 2010

Avatar já é o filme mais rentável de todos os tempos


Como se previa, Avatar tornou-se o filme com maiores receitas de bilheteira de sempre ultrapassando Titanic em apenas seis semanas.
James Cameron volta a ganhar!


domingo, 24 de janeiro de 2010

Conan O`Brien deixa NBC


Está decidido. Conan O`Brien vai mesmo deixar de ser anfitrião do programa "The Tonight Show". O apresentador e humorista assinou a rescisão de contrato com a NBC que lhe vale 45 milhões de dólares (cerca de 32 milhões de euros), noticia a agência Reuters.

A saída de O`Brien coloca um ponto final a duas semanas de piadas e ofensas, no ar, e permite a Jay Leno regressar ao comando do programa de horário nobre.

Está aqui a última das piadas de Conan O`Brien, que custou 1,5 milhões de dólares (cerca de um 1,1 milhões de euros) à NBC:
"Gostaria de pedir desculpa aos convidados que estavam previstos para a próxima semana: Presidente Barack Obama, o Papa, a Rainha de Inglaterra, e o nosso grande amigo, Elvis Presley", brincou O`Brien durante o programa de quinta-feira de 21 de Janeiro.

Jay Leno volta para o cargo na "Tonight Show", que desempenhou durante 17 anos, dia 1 de Março.
Entregou o posto a O`Brien em Junho de 2009, mas as audiências não responderam bem à mudança.

"Estamos muito contentes pelo facto de Jay estar de volta ao franchise que dirigiu com sucesso durante muitos anos", disse Jeff Gaspin, dirigente da NBC TV.

Existem especulações de que o canal Fox, rival da NBC, poderá tentar contratar O'Brien, visto que não tem um programa de talk show.

Outros dizem que a Comedy Central, da Viacom, poderá ser um óptimo destino para O'Brien, onde já são apresentados os respectivos programas de Jon Stewart e Stephen Colbert.

Up in the Air


Ano: 2009
Estreia nacional: 21 de Janeiro de 2010
País: EUA
Género: Comédia, Drama
Duração: 109 min.
Classificação: M/12
Distribuidora: ZON Lusomundo

Realização: Jason Reitman
Intérpretes: George Clooney, Vera Farmiga, Anna Kendrick

Sinopse: Ryan Bingham (George Clooney), um perito em downsizing corporativo, é protótipo máximo do moderno viajante. Ryan habituou-se a um estilo de vida livre por entre aeroportos, hotéis e carros de aluguer. Consegue levar tudo o que necessita no seu pequeno trolley; é membro VIP de todos os programas de fidelização que existem; e está prestes a atingir o seu objectivo de vida: 10 milhões de milhas, como cliente regular - e porém... Ryan não tem na vida a que se possa agarrar. Quando se apaixona por uma companheira de viagem (Vera Farmiga), o seu patrão (Jason Bateman), inspirado por uma ambiciosa jovem perita em eficiência (Anna Kendrick), ameaça limitá-lo ao escritório, longe das constantes viagens. Deparando-se com a perspectiva, simultaneamente aterradora e excitante de ter de deixar de voar, Ryan começa a vislumbrar o verdadeiro significado de ter um lar.

Comentário: Um filme bastante agradável em que se destaca o argumento. Para além de estar muito bem escrito, é bastante inteligente e foge um pouco do banal que se costuma ver em filmes do género. O elenco está todo ele muito bem, com natural destaque para George Clooney. Penso, no entanto, que o realizador podia ter ido mais longe nos planos e na forma de filmar. Esse sim, penso que ficou pelo habitual que se costuma ver. De qualquer forma, um filme muito agradável de se ver.

Classificação: 7

quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

Notícias Rápidas

  • Face à boa campanha nas bilheteiras, parece certa a continuação de Avatar, com mais duas sequelas. Para mais James Cameron afirma que o esforço económico que foi feito na criação de tecnologia de captação de imagem para o primeiro filme, já não será necessário para os seguintes, o que trará maior rentabilidade.
  • Continuando com Avatar, o filme de James Cameron já é o segundo filme com maiores receitas nas salas de cinema, de todos os tempos. E segundo os analistas há grandes probabilidades de ultrapassar o primeiro classificado, Titanic de... James Cameron.
  • Neill Blompkamp a preparar sequela ou prequela de District 9.
  • Marc Webb será o realizador responsável pelo reboot da franchise Spider Man. Até nem foi uma má escolha e talvez consiga trazer algo de novo. Recorde-se que o anterior trabalho de Webber foi 500 Days of Summer.
  • Fantastic Mr. Fox, considerado um dos melhores filmes de animação do ano, aqui em Portugal sairá directamente para DVD. É uma pena.

terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Globos de Ouro - Avatar foi o grande vencedor da noite!



Contrariando quase todas as previsões, Avatar ganhou o Globo de Ouro para Melhor Filme na categoria Drama e o prémio para Melhor Realizador foi parar ás mãos de James Cameron. A vermelho os vencedores:

BEST MOTION PICTURE - DRAMA
Avatar

The Hurt Locker
Inglourious Basterds
Precious
Up in the Air

BEST PERFORMANCE BY AN ACTRESS IN A MOTION PICTURE - DRAMA
Sandra Bullock (The Blind Side)

Emily Blunt (The Young Victoria)
Helen Mirren (The Last Station)
Carey Mulligan (An Education)
Gabourey Sidibe (Precious)

BEST PERFORMANCE BY AN ACTOR IN A MOTION PICTURE - DRAMA
Jeff Bridges (Crazy Heart)

George Clooney (Up in the Air)
Colin Firth (A Single Man)
Morgan Freeman (Invictus)
Tobey Maguire (Brothers)

BEST MOTION PICTURE - COMEDY OR MUSICAL
The Hangover

500 Days of Summer
It's Complicated
Julie and Julia
Nine

BEST PERFORMANCE BY AN ACTRESS IN A MOTION PICTURE - COMEDY OR MUSICAL
Meryl Streep (Julie and Julia)

Sandra Bullock (The Proposal)
Marion Cotillard (Nine)
Julia Roberts (Duplicity)
Meryl Streep (It's Complicated)

BEST PERFORMANCE BY AN ACTOR IN A MOTION PICTURE - COMEDY OR MUSICAL
Robert Downey Jr. (Sherlock Holmes)

Matt Damon (The Informant!)
Daniel Day-Lewis (Nine)
Joseph Gordon-Levitt (500 Days of Summer)
Michael Stuhlbarg (A Serious Man)

BEST ANIMATED FEATURE FILM
Up

Cloudy with a Chance of Meatballs
Fantastic Mr. Fox
Coraline
The Princess and the Frog

BEST FOREIGN LANGUAGE FILM
The White Ribbon

Baaria
Broken Embraces
The Maid
A Prophet

BEST PERFORMANCE BY AN ACTRESS IN A SUPPORTING ROLE IN A MOTION PICTURE
Mo'Nique (Precious)

Penelope Cruz (Nine)
Vera Farmiga (Up in the Air)
Anna Kendrick (Up in the Air)
Julianne Moore (A Single Man)

BEST PERFORMANCE BY AN ACTOR IN A SUPPORTING ROLE IN A MOTION PICTURE
Christoph Waltz (Inglourious Basterds)

Matt Damon (Invictus)
Woody Harrelson (The Messenger)
Christopher Plummer (The Last Station)
Stanley Tucci (The Lovely Bones)

BEST DIRECTOR - MOTION PICTURE
James Cameron (Avatar)

Kathryn Bigelow (The Hurt Locker)
Clint Eastwood (Invictus)
Jason Reitman (Up in the Air)
Quentin Tarantino (Inglourious Basterds)

BEST SCREENPLAY - MOTION PICTURE
Jason Reitman and Sheldon Turner (Up in the Air)

Neill Blomkamp and Terri Tatchell (District 9)
Mark Boal (The Hurt Locker)
Nancy Meyers (It's Complicated)
Quentin Tarantino (Inglourious Basterds)

BEST ORIGINAL SCORE - MOTION PICTURE
Michael Giacchino (Up)

Marvin Hamlisch (The Informant!)
James Horner (Avatar)
Abel Korzeniowski (A Single Man)
Karen O and Carter Burwell (Where the Wild Things Are)

BEST ORIGINAL SONG - MOTION PICTURE
"The Weary Kind" (Crazy Heart)

"Cinema Italiano" (Nine)
"I Want to Come Home" (Everybody's Fine)
"I Will See You" (Avatar)
"Winter" (Brothers)

BEST TELEVISION SERIES - DRAMA
Mad Men

Big Love
Dexter
House
True Blood

BEST PERFORMANCE BY AN ACTRESS IN A TELEVISION SERIES - DRAMA
Julianna Margulies (The Good Wife)

Glenn Close (Damages)
January Jones (Mad Men)
Anna Paquin (True Blood)
Kyra Sedgwick (The Closer)

BEST PERFORMANCE BY AN ACTOR IN A TELEVISION SERIES - DRAMA
Michael C. Hall (Dexter)

Simon Baker (The Mentalist)
Jon Hamm (Mad Men)
Hugh Laurie (House)
Bill Paxton (Big Love)

BEST TELEVISION SERIES - COMEDY OR MUSICAL
Glee

30 Rock
Entourage
Modern Family
The Office

BEST PERFORMANCE BY AN ACTRESS IN A TELEVISION SERIES - COMEDY OR MUSICAL
Toni Collette (United States of Tara)

Courteney Cox (Cougar Town)
Edie Falco (Nurse Jackie)
Tina Fey (30 Rock)
Lea Michele (Glee)

BEST PERFORMANCE BY AN ACTOR IN A TELEVISION SERIES - COMEDY OR MUSICAL
Alec Baldwin (30 Rock)

Steve Carell (The Office)
David Duchovny (Californication)
Thomas Jane (Hung)
Matthew Morrison (Glee)

BEST MINI-SERIES OR MOTION PICTURE MADE FOR TELEVISION
Grey Gardens

Georgia O'Keeffe
Into the Storm
Little Dorrit
Taking Chance

BEST PERFORMANCE BY AN ACTRESS IN A MINI-SERIES OR MOTION PICTURE MADE FOR TELEVISION
Drew Barrymore (Grey Gardens)

Joan Allen (Georgia O'Keeffe)
Jessica Lange (Grey Gardens)
Anna Paquin (The Courageous Heart of Irena Sendler)
Sigourney Weaver (Prayers for Bobby)

BEST PERFORMANCE BY AN ACTOR IN A MINI-SERIES OR MOTION PICTURE MADE FOR TELEVISION
Kevin Bacon (Taking Chance)

Kenneth Branagh (Wallander: One Step Behind)
Chiwetel Ejiofor (Endgame)
Brendan Gleeson (Into the Storm)
Jeremy Irons (Georgia O'Keeffe)

BEST PERFORMANCE BY AN ACTRESS IN A SUPPORTING ROLE IN A SERIES, MINI-SERIES OR MOTION PICTURE MADE FOR TELEVISION
Chloe Sevigny (Big Love)

Jane Adams (Hung)
Rose Byrne (Damages)
Jane Lynch (Glee)
Janet McTeer (Into the Storm)

BEST PERFORMANCE BY AN ACTOR IN A SUPPORTING ROLE IN A SERIES, MINI-SERIES OR MOTION PICTURE MADE FOR TELEVISION
John Lithgow (Dexter)

Michael Emerson (Lost)
Neil Patrick Harris (How I Met Your Mother)
William Hurt (Damages)
Jeremy Piven (Entourage)
tpreviews.com/headline.php?id=16465#ixzz0Wnfz79ru

sábado, 16 de janeiro de 2010

Conan O`Brien coloca "Tonight Show" à venda na Internet


Uma decisão executiva do canal televisivo americano NBC cancelou oficialmente o programa de horário nobre de Jay Leno e reposicionou-o na sua hora antiga (23h35m). Esta decisão implicou adiar também o programa de Conan O'Brien, "Tonight Show", para mais tarde (00h05m).

Conan O'Brien respondeu negativamente com uma carta pública ao mundo (e aos directores da NBC). Um excerto:

"Acredito sinceramente que adiar o "Tonight Show" para o próximo dia para acomodar outro programa de comédia vai prejudicar seriamente o que eu considero um dos maiores franchises na história das emissões televisivas. O "Tonight Show" às 12:05 simplesmente não é o "Tonight Show".

Conan não perdeu o seu sentido de humor, no entanto. No seu programa, brincou que ia pôr o próprio programa à venda no portal de classificados Craigslist enquanto ainda podia fazê-lo.

O anúncio já foi retirado, mas está aqui a tradução completa:

PARA VENDA: PROGRAMA DE TV QUASE NOVO - FAZ UM OFERTA!!! (Universal Studios)

Esta é sua oportunidade de ser proprietário do seu próprio programa talk show - garantido a durar até sete meses!! É necessário ver para crer.

Informação para compradores potenciais:

- Dimensões 30,5m x 30,5m x 10m - espaço suficiente para um sofá!
- Construído para as 23h35m mas pode ser mudado facilmente
- Banda não incluída, pode ser comprada à parte
- Comprador tem de honrar a presença de [cantor] Barry Manilow na próxima Quinta-feira

The Road


Ano: 2009
Estreia nacional: 07 de Janeiro de 2010
Estreia mundial: 25 de Novembro de 2009
País: EUA
Género: Aventura, Drama
Duração: 112 min.
Classificação: M/16
Distribuidora: ZON Lusomundo

Realização: John Hillcoat
Intérpretes: Viggo Mortensen, Kodi Smit-McPhee, Robert Duvall, Guy Pearce, Charlize Theron

Sinopse: Um conto épico, pós apocalíptico, de sobrevivência de um pai e do seu filho pequeno à medida que eles atravessam uma América árida, destruída por um misterioso cataclismo. O filme imagina um futuro no qual os homens são empurrados para o pior e o melhor de que são capazes - um futuro onde o pai e o seu filho são sustentados pelo amor que os une.

Comentário: Neste retracto de uma situação pós-apocalíptica pudemos assistir a mais uma grande interpretação de Viggo Mortensen e um interpretação segura de Kodi Smit-McPhee e pouco mais. O argumento é bastante fraco. Durante o filme não se passa quase nada de interesse para além da forte carga dramática que tentaram impor em algumas cenas. Tentaram mas nem por isso conseguiram. Passei o filme todo à espera de algo interessante que fizesse o filme arrancar de vez, mas esse momento nunca chegou a acontecer. Quando chegou o fim do filme eu pensava que não podia ser o fim. Tinha que haver mais qualquer coisa. Mas não. Era apenas aquilo. Muito pouco para um filme que pretendia ser muito. Muito, só apenas nas interpretações dos dois protagonistas.

Classificação: 6

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

Spider Man 4 de Sam Raimi foi cancelado


A Columbia Pictures anunciou ontem que o filme Spider Man 4 foi cancelado e já não será realizado por Sam Raimi nem terá Tobey Maguire como protagonista. A Columbia Pictures anunciou ainda que pretende fazer um reboot da saga "ao estilo de Batman Begins" segundo eles.
Bem. Se sair algo com o nível qualitativo de Batman Begins, a opção é claramente acertada. Mas...
A Columbia e a Marvel Studios anunciaram também que "Peter Parker vai regressar ao liceu e vão ser focadas problemáticas adolescentes contemporâneas". Ora, eu não quero ser ave de mau agouro e desejo sinceramente o melhor para a saga, mas isto soa-me mais a Twilight que a Batman Begins.
Problemáticas adolescentes contemporâneas... Eu já estou a ver o sacana do Green Goblin a invadir a página do Facebook do Peter Parker...

Skhizein

Depois de ter sido atingido por um meteorito, Henry tem de se adaptar a viver a 91 centímetros de si mesmo.
Esta é uma genial curta-metragem de animação, de Jeremy Clapin.

Skhizein (Jérémy Clapin,2008) from Bertie on Vimeo.

domingo, 10 de janeiro de 2010

Os melhores e piores de 2009



Em 2009 estrearam (se não estou em erro) 279 filmes em Portugal, mais 48 que o ano passado e exactamente os mesmos de 2008. Desses 279 apenas vi 69, menos 7 que o ano passado. Dos 69 escolhi os 10 que mais gostei e os 10 que menos gostei.

Para começar, aqui estão os 10 filmes que vi em 2009 que mais gostei, por ordem decrescente:

  1. "Quem Quer ser Bilionário"
  2. "Sacanas Sem Lei"
  3. "Gran Torino"
  4. "Anjos e Demónios"
  5. "A Última Casa à Esquerda"
  6. "Sherlock Holmes"
  7. "Correio de Risco 3"
  8. "A Pantera Cor de Rosa 2"
  9. "És o Maior, Meu!"
  10. "Velozes e Furiosos"
Na lista seguinte, estão os 10 filmes estreados em 2009 nos cinemas que menos gostei, sem qualquer ordem específica:
  • "Uma Aventura na Casa Assombrada"
  • "Rock n'Rolla - A Quadrilha"
  • "Virtude Fácil"
  • "O Espírito do Mal"
  • "Um Amor de Perdição"
  • "Herói Procura-se"
  • "Transiberiano"
  • "Pânico em Hollywood"
  • "Sem Provas"
  • "Força G"

Did You Hear About the Morgans?



Ano: 2009
Estreia nacional: 07 de Janeiro de 2010
País: EUA
Género: Comédia, Drama, Romance
Duração: 103 min.
Classificação: M/12
Distribuidora: Columbia TriStar Warner

Realização: Marc Lawrence
Intérpretes: Sarah Jessica Parker, Hugh Grant, Mary Steenburgen

Sinopse: Paul Morgan quer salvar o seu casamento. A sua mulher, Meryl, recusou todas as tentativas de reavivar a relação e o casal parece condenado, até uma noite em que testemunharam um homicídio. Os Morgans são forçados pelo Governo a mudarem as suas identidades e a serem protegidos juntos, fugindo de Manhattan, rumo às populações rurais fora da cidade. Quando Paul pensava que não tinha mais opções, esta situação pode ser a última oportunidade de manter o seu relacionamento.


Comentário: Hugh Grant está de volta aos papéis que lhe são mais familiares. Desta vez, e pela primeira vez, tem como parceira Sarah Jessica Parker e, pode-se dizer, o par não resultou mal. Hugh Grant foi igual a si próprio, com a piada inteligente sempre pronta, daquela forma tipicamente britânica de a dizer, como ele tão bem o sabe fazer. Sarah Jessica Parker esteve mais discreta mas nem por isso pior. Relativamente ao argumento do filme, o que se pode dizer é que é completamente banal mas, apesar disso, o filme é bastante agradável de se ver.

Classificação: 7

Old Dogs


Ano: 2009
Estreia nacional: 31 de Dezembro de 2009
País: EUA
Género: Comédia
Duração: 88 min.
Classificação: M/6
Distribuidora: ZON Lusomundo

Realização: Walt Becker
Intérpretes: John Travolta, Justin Long, Robin Williams, Seth Green, Kelly Preston, Matt Dillon, Bernie Mac, Dax Shepard

Sinopse: A história de dois grandes amigos, um azarado, divorciado e apaixonado (Robin Williams) e o outro um solteirão convicto (John Travolta). Ambos vêm as suas vidas viradas do avesso quando precisam de tomar conta de um par de gémeos de 6 anos, enquanto fecham o maior negócio das suas vidas profissionais.

Comentário: Apesar de ter uma ou duas cenas com bastante piada, o filme é bastante fraco. Robin Williams não sabe o que é representar mal mas John Travolta tem uma interpretação muito, muito fraca. O argumento do filme é bastante mau, assim como a realização. De qualquer forma, o filme consegue entreter, especialmente os mais pequenos.

Classificação: 6

Posters


Novo Trailer de Kick Ass

The A-Team - Trailer

sábado, 9 de janeiro de 2010

Pandorum - Review

Dois tripulantes de uma nave espacial com milhares de ocupantes, que se dirige a um planeta distante com a intenção de o colonizar, acordam do seu estado de hibernação, para descobrir que se encontram sozinhos na nave. Ou quase...
A influência de Alien é notória em todo o filme, o que prejudica bastante o aspecto originalidade, mas o filme contém o mínimo para agradar aos fãs de ficção científica (como eu), para além de, mais uma, boa interpretação de Ben Foster (3:10 to Yuma).

Pandorum - 6

segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

GandAlf

domingo, 3 de janeiro de 2010

Trailer de "Lua Nova" foi o mais visto do ano


"Lua Nova", o tão aguardado segundo filme da saga "Crepúsculo", tem o trailer mais procurado do ano 2009.

Na lista elaborada pelo site "Yahoo! Movies" destaca-se também o vídeo promocional de "Transformers 2" e de "2012".

A avaliar pelos resultados, a história de amor entre a humana Bella Swan (Kristen Stewart) e o vampiro Edward Cullen (Robert Pattinson) conquistou os internautas, ocupando a primeira posição.
Segue-se "Transformers 2", com a mediática Megan Fox, e "2012", a superprodução de Roland Emmerich.

Na quarta posição ficou o trailer de "O Exterminador Implacável: A Salvação", acima de "Harry Potter e o Príncipe Misterioso", o sexto filme da saga de feiticeiros criada por J. K. Rowling.

Já o trailer de "Avatar", que assinala o regresso do realizador James Cameron às grandes produções e que está revelar-se um verdadeiro sucesso de bilheteiras, ficou num discreto nono lugar, muito provavelmente por ter sido dos últimos a estrear.

Sherlock Holmes


Ano: 2009
Estreia nacional: 24 de Dezembro de 2009
País: Reino Unido, EUA, Austrália
Género: Crime, Aventura, Thriller
Distribuidora: Columbia TriStar Warner

Realização: Guy Ritchie
Intérpretes: Robert Downey Jr., Rachel McAdams, Jude Law, Mark Strong

Sinopse: O detective Sherlock Holmes e o seu leal parceiro Watson encontram o seu último desafio. Revelando habilidades de luta tão letais quanto o seu lendário intelecto, Holmes vai lutar como nunca para derrubar um novo inimigo e desvendar uma conspiração mortal que pode destruir o país.

Comentário: Um grande filme para terminar o ano em beleza. Um argumento razoável, cheio de acção sem qualquer tempo morto, ritmo alucinante, grandes interpretações e uma boa realização. Apesar de ter cerca de duas horas de duração, o tempo passa num instante uma vez que decorre sempre a grande ritmo, com grandes cenas de acção e diálogos interessantes e engraçados. O humor é presença constante e Robert Downey Jr. desempenha o seu papel na perfeição. Jude Law e Rachel McAdams estão igualmente a grande nível. Este filme é entretenimento garantido para toda a família.

Classificação: 8